Funcionalismo: professor fará protesto dia 25 por reajuste

Cristiane Gercina Havolene Valinhos
São Paulo

Os professores da rede estadual farão uma nova assembleia, seguida de ato unificado, no dia 25 de outubro. Na sexta (27), parte da categoria parou, em protesto.

Professores fazem ato em frente à Câmara dos Vereadores para protestar contra projeto de lei que prevê aumentar os descontos nos salários da categoria
Professores fazem ato em frente à Câmara dos Vereadores para protestar contra projeto de lei que prevê aumentar os descontos nos salários da categoria - Ronny Santos/Folhapress 20 Mar.2018

Entre as reivindicações estão o agendamento de reunião com o Secretário de Estado da Educação, Rossieli Soares, e o reajuste salarial de 10,15%.

O percentual corresponde ao abono dado pelo estado em 2017 para equiparar os salários ao piso nacional da Educação na época.

O caso está no Judiciário, que já decidiu favoravelmente ao magistério. A Apeoesp (sindicato da rede) se reuniu, no início de julho, com representantes da Educação, que afirmaram buscar soluções com outros setores do governo.

Em nota, a pasta afirma que “não tem medido esforços para que as demandas da categoria sejam atendidas dentro das possibilidades atuais”. 

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.