Funcionalismo: servidores do TJ-SP devem escolher banco

Laísa Dall'Agnol

Os bancos Bradesco, Banco do Brasil e Santander se credenciaram e estão habilitados a gerenciar a folha de pagamentos do Tribunal de Justiça de São Paulo.

Os servidores e magistrados, ativos e inativos, devem escolher em qual banco desejam receber o salário.
A decisão precisa ser registrada entre os dias 17 de setembro e 4 de outubro no site: www.tjsp.jus.br/creden ciamentobanco.

Na página, estão as propostas de cada instituição, como pacotes e serviços.

Segundo o TJ-SP, no credenciamento qualquer um dos bancos pode gerenciar o pagamento de salários e a pessoa indica em qual deles quer receber.

O cliente pode, por exemplo, renegociar financiamentos e empréstimos e fazer a portabilidade para outro banco, se quiser.

 
São Paulo, SP, Brasil, 21-08-2019: Still dinheiro. Cédulas. Real. (foto Gabriel Cabral/Folhapress)

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.