PM prende dois suspeitos de arrastão em bloco de Carnaval no centro de SP

Corporação também apreendeu dois drones que sobrevoavam irregularmente outro bloco, na zona oeste

São Paulo

A Polícia Militar prendeu um adulto, 21 anos, e apreendeu um adolescente, 16, suspeitos de participar de um arrastão durante um bloco de Carnaval, no fim da tarde deste sábado (15), na região da praça da República (centro da capital paulista). 

Segundo a Polícia Militar, após policiais que monitoravam a festa constatarem o arrastão, partiram a procura dos envolvidos no crime. O menor foi abordado por PMs, os quais afirmam que o jovem resistiu à apreensão com socos. 

Com ele, acrescentou a polícia, foi encontrado um celular roubado, além de uma tesoura que teria sido usada para ameaçar vítimas. O menor teria confessado a participação no arrastão, ainda de acordo com a PM. 

Arrastão carnaval República
PM apreendeu com dupla de suspeitos uma tesoura, supostamente usada para ameaçar vítimas, além de dois celulares levados durante arrastão na região de República (centro da capital paulista) - Divulgação/Polícia Militar

Instantes depois, policiais encontraram um adulto, com o qual localizaram um celular, também roubado. Ele é apontado pela polícia como comparsa do adolescente.

Os dois suspeitos foram reconhecidos pelas vítimas. 

O caso foi registrado no 2º DP (Bom Retiro). 

Drones

Além do arrastão, PMs também apreenderam dois drones que sobrevoavam de forma irregular o bloco Abravanel, na Barra Funda (zona oeste da capital).

Policiais localizaram dois homens que controlavam os equipamentos por controle remoto, em meio à multidão. 

“A equipe pediu para que a dupla descesse os dispositivos para a devida fiscalização, principalmente por eles estarem utilizando [os drones] de maneira irregular, abaixo de 30 metros horizontais, pondo em risco a integridade dos participantes das festividades”, diz trecho de nota da PM. 

Pelo fato de os equipamentos não contarem com documentação, acrescentou a corporação, eles foram apreendidos e os dois homens levados ao 91º DP, onde prestaram depoimento e foram em seguida liberados.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.