Tricolor encara o Avaí faminto para vencer

Com cinco jogos de jejum, o São Paulo conta com bom retrospecto fora de casa para voltar a conquistar três pontos

São Paulo

O São Paulo encara o Avaí às 21h deste sábado (8), na Ressacada, em Florianópolis, faminto para voltar a vencer no Brasileirão e não perder os líderes de vista.

Nas primeiras rodadas do campeonato nacional, o Tricolor brigava diretamente com o Palmeiras pela liderança da tabela de classificação. Agora, no início da oitava rodada, o time ocupa apenas a oitava colocação, com 12 pontos, enquanto o Alviverde soma 16 (ou 19, se o STJD mantiver a vitória sobre o Botafogo).

Alexandre Pato está ansioso para voltar a fazer gols; contra o Avaí, ele terá boas chances de tornar seu desejo realidade
Alexandre Pato está ansioso para voltar a fazer gols; contra o Avaí, ele terá boas chances de tornar seu desejo realidade - Rubens Cavallari - 10.abr.19/Folhapress

Com a queda de rendimento, a equipe do técnico Cuca já está há cinco jogos sem vitórias, o que implantou uma crise no Morumbi. Os torcedores se revoltaram mais com a eliminação nas oitavas de final da Copa do Brasil, após duas derrotas para o Bahia. Tanto que fizeram manifestações e picharam os muros do Morumbi, exigindo a saída do presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco.

E para dar fim a esse jejum, retomando a confiança dos jogadores e o apoio da torcida, nada melhor do que enfrentar a única equipe que ainda não venceu no Nacional e amarga a lanterna, com apenas três pontos conquistados em sete partidas: o Avaí.

Além disso, a equipe catarinense tem o segundo pior ataque da competição, com somente quatro gols marcados --o pior é o CSA, que só foi às redes duas vezes. Por outro lado, já levou nove gols dos adversários e teve dois empates e uma derrota em seu estádio.

Outra estatística que dá otimismo ao time e à torcida são-paulinos é que dos 12 pontos somados até aqui no Brasileirão, a metade foi conquistada fora de casa, nas vitórias sobre Goiás (2 a 1) e Fortaleza (1 a 0).
Assim, mais do que nunca os holofotes estarão voltados para os atacantes Alexandre Pato e Toró, que conseguiram se entender bem após a chegada do primeiro, que estava no futebol chinês. Esta é a chance de a dupla colocar o Tricolor novamente nos trilhos. A torcida vai agradecer.

Assuntos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.