Fiat Cronos ganha a versão esportiva HGT

Sedã compacto tem visual invocado, sem mexer na mecânica

Fernando Pedroso
São Paulo

A Fiat tem tradição em sedãs esportivos que carrega desde a versão CSS do Oggi nos anos 1980, passando por Tempra e Marea Turbo e chegando ao Siena Sporting. O Cronos não ficou de fora e acabou de ganhar uma opção com visual invocado, a HGT.

O nome copia a versão esportiva do "irmão" Argo, mas no sedã as mudanças são mais discretas. Saem os detalhes vermelhos e entram peças pintadas de preto, caso de rodas, retrovisores, molduras, grade e logotipos. Até o fundo do escudo da Fiat troca o vermelho pelo preto no Cronos HGT. 

A única extravagância permitida é o pequeno aerofólio colado sobre a tampa traseira. Por dentro, a barra vermelha e chamativa do Argo é substituída por uma cinza. Todo o interior é escurecido. O Cronos HGT custa R$ 78.490.

De série, o HGT tem ar-condicionado digital, controles de tração e de estabilidade, central multimídia com tela de 7", rodas 17" pintadas de preto. Entre os opcionais, estão o teto preto, bancos de couro, câmera de ré, airbags laterais e o kit composto por chave presencial, retrovisor com rebatimento elétrico, sensor de chuva, faróis com acendimento automático e retrovisor antiofuscante.

Mas quem espera um desempenho acima do normal da linha Cronos, vai se decepcionar. O sedã mantém o motor 1.8 flex de até 139 cv de potência e câmbio automático de seis marchas. Aliás, nenhum Cronos ou Argo, com motor 1.8, tem mais câmbio manual.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.