Descrição de chapéu Interior

Enxurrada mata mãe e filha em Bauru

As duas estavam dentro do carro que foi arrastado

 
 
Elaine Granconato
São Paulo

O temporal que castigou a região centro-oeste do interior do estado, na madrugada de ontem, provocou vários estragos nas cidades do entorno. Em Bauru (329 km de SP), mãe e filha, respectivamente, Luciene Regina do Prado Silva, 43 anos, e Bianca Prado da Silva, 14 anos, morreram quando o carro em que estavam foi arrastado pela enxurrada na avenida Comendador Daniel Pacífico.

Luciene tentava passar por uma ponte sobre o córrego da Grama, que transbordou. Parte da pista cedeu.
No mesmo veículo, também estava a filha mais velha, 20 anos, que sobreviveu, após se agarrar em uma árvore. O nome não foi informado pela Secretaria de Estado de Segurança Pública nem pela prefeitura local.

Bianca do Prado, 14 anos, e a mãe Luciene do Prado, de 43, morreram após carro ser arrastado por enxurrada em Bauru — Foto: Facebook/Reprodução

A jovem foi socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e encaminhada à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Bela Vista, onde passou por exames clínicos e permaneceu em observação até a manhã de ontem.

A Prefeitura de Bauru, da gestão Clodoaldo Gazzetta (PSD), afirma, em nota, que a jovem receberá acompanhamento psicológico na rede de saúde municipal.

Segundo o Instituto de Pesquisa Meteorológica da Unesp (Universidade Estadual Paulista), Bauru recebeu volume de chuva que variou entre 20 mm e 50 mm. A região da Vila Pacífico registrou o maior volume da cidade, com ápice entre 22h30 e 23h. O temporal causou estragos nas cidades vizinhas Itápolis e Tupã.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.