Descrição de chapéu Grande SP

Obra deixa buraco e poeira em avenida de São Caetano do Sul

Moradores dizem que problema surgiu com remoção de asfalto antigo

Mariangela de Castro
São Paulo

Após a raspagem do asfalto em um trecho da avenida dos Estados, localizado entre a avenida Conde Francisco Matarazzo e a rua Francisco Rebelo, em São Caetano do Sul (ABC), moradores que frequentam a região reclamam do surgimento de novos problemas. Há cerca de dois meses, motoristas sofrem com aumento no número de buracos e trabalhadores relatam surgimento de nuvens de poeira.

Trecho da avenida dos Estados que passou por raspagem em São Caetano do Sul (ABC) - Rubens Cavallari/Folhapress

O instalador de gás Luiz Fernando, 30 anos, conta que antes da obra ser iniciada "não havia muito pó na região", apesar do tráfego. "Agora, eu tenho que varrer a entrada da loja mais de três vezes por dia. Se um cliente estaciona o carro aqui, ele tem de levar direto ao lava-rápido. Os carros que eram lavados duas vezes por mês passaram a ser lavados duas vezes por semana", diz.

Além da sujeira, o pavimento raspado fez com que surgissem uma série de buracos. Para Luiz Fernando, essa situação coloca os motoristas em perigo, especialmente as motocicletas. "Os motoqueiros têm que andar com muito mais atenção, desviando durante todo o caminho."

O asfalto teria sido raspado há cerca de 70 dias pela Prefeitura de São Caetano do Sul, segundo o estudante de 19 anos Thiago Catelani, que anda diariamente pelo local. Segundo ele, durante a chuva a situação piora, porque a água gera uma espécie de lama. 

Procurada, a prefeitura não se manifestou até a publicação desta reportagem.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.