Descrição de chapéu Zona Oeste

Três PMs morrem em confronto com falso policial civil em SP

Mortes aconteceram na madrugada deste sábado (8), na região do Rio Pequeno, zona oeste; suspeito também morreu

São Paulo

Três policiais militares morreram após troca de tiros com um falso policial civil na madrugada deste sábado (8), na região do Rio Pequeno (zona oeste da capital paulista), de acordo com informações da Secretaria da Segurança Pública de São Paulo, gestão João Doria (PSDB).

Segundo a Polícia Militar, os três PMs, que faziam parte da Força Tática, estavam em patrulhamento pela Avenida Escola Politécnica quando abordaram um veículo VW Fox ocupado por dois homens que tentavam abordar um motociclista.

O soldado Victor Rodrigues Pinto da Silva, o sargento José Valdir de Oliveira Júnior e o soldado Celso Ferreira Menezes Júnior, todos da Polícia Militar paulista; PMs morreram após confronto com um falso policial civil na madrugada deste sábado (8), no Rio Pequeno, zona oeste de São Paulo - Reprodução Facebook @Coronel Nishikawa

Neste momento, segundo informações da SSP, um dos homens se identificou como policial civil aos três PMs. Os policiais recolheram então uma arma e uma funcional, que era falsa, para verificação. Após o inicio da checagem, o falso policial civil sacou um segunda arma e atirou contra os PMs, que revidaram e o feriram, segundo a polícia.

Os policiais foram levados para o Hospital Universitário, zona oeste, mas não resistiram e morreram. O falso policial civil também morreu após ser socorrido. Já o segundo homem que estava no Fox foi detido.

A Polícia Militar paulista emitiu nota de pesar pela morte dos três policiais em serviço, que pertenciam ao 23° Batalhão de Polícia Militar do Metropolitano.

O sargento José Valdir de Oliveira Júnior, 37 anos, era casado, e deixa filha de 16 anos e esposa grávida de gêmeos. Ele estava na PM há 14 anos.

O soldado Victor Rodrigues Pinto da Silva, 29 anos, era casado e deixa a esposa grávida. Ele era policial militar há 6 anos.

O soldado Celso Ferreira Menezes Júnior, 33 anos, era divorciado, não possuía filhos e estava na PM há 10 anos.

Policial militar observa viatura atingida por disparos na madrugada deste sábado (8), durante confronto entre três PMs e um falso policial civil no Rio Pequeno, na zona oeste de SP. Todos morreram - Reprodução/TV Globo

A ocorrência foi registrada no 91º Distrito Policial e será investigada pelo DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa).

Em uma rede social, o governador do Estado de São Paulo, João Dória (PSDB), também lamentou o ocorrido.

Assuntos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.