Descrição de chapéu Opinião

Caneladas do Vitão: Fortaleza de Rogério Ceni contra São Paulo de Leco

Vitor Guedes

Domingo quero te encontrar e desabafar todo o meu sofrer, estar ao seu lado, esquecer de tudo, tudo que o amor até hoje nos fez sofrer... Alô, povão, agora é fé! O grande jogo da rodada do Brasileirão, pensando na liderança, é, óbvio ululante, Atlético-MG x Palmeiras, mas, como pouca gente espera um grande jogo em BH, falemos do apaixonante embate entre Rogério Ceni, digo, Fortaleza, e São Paulo, que fecha a quarta rodada, às 19h, na capital do Ceará.

Se é óbvio que os tricolores, paulista e cearense, disputam Brasileiros diferentes, o mais rico buscando voltar aos dias de glória e o nordestino buscando se manter na elite no ano do retorno, não é menos claro que hoje, isoladamente, com o Fortaleza contando com campo e torcida, o equilíbrio é muito maior e, pois, o objetivo é o mesmo, a vitória. Seria de qualquer jeito, se não tivesse mais nada envolvido, agora, pela história de Ceni com o Tricolor, que inclui momentos de rusgas com Cuca, o atual treinador são-paulino, o interesse pelo confronto.

O técnico Rogério Ceni vai enfrentar o São Paulo pela primeira vez - Mauro Pimentel - 5.mai.19/AFP

Da pagodeira, e brega, série "amar você é bom demais é tudo que eu posso querer, se tudo você tem melhor, pior é te perder", hit dos anos 90, quando Rogério Ceni herdou a posição de Zetti e iniciou a sua trajetória no Mais Querido, a verdade é que, por mais que a torcida são-paulina seja apaixonada por Rogério Ceni e confunda até o período passado de glórias com a do goleiro, tudo de que o Tricolor não precisa é tropeçar no time dirigido pelo maior ídolo. E, por outro lado, por maior que seja o amor de Ceni pelo São Paulo, o ex-goleiro não quer, de jeito nenhum, dar ao presidente Leco o gostinho de saborear uma vitória sobre o seu time.

Feliz dia a todas as mães, em especial à minha, a são-paulina dona Maria Dolores, que sempre torceu pelo "Mito"...

Marcel Proust: "Para quem ama, não será a ausência a mais certa, a mais eficaz, a mais intensa, a mais indestrutível, a mais fiel das presenças?".
Eu sou o Vitor Guedes e tenho um nome a zelar. E zelar, claro, vem de ZL. É tudo nosso! É nóis na banca!

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.