Descrição de chapéu Opinião

Caneladas do Vitão: Corinthians e Grêmio entram pressionados já na 4ª rodada

Vitor Guedes
São Paulo

Como será o amanhã? Responda quem puder, o que irá me acontecer, o meu destino será como Deus quiser... Alô, povão, agora é fé! Amanhã, o Corinthians recebe o Grêmio, às 19h, na ZL, em um duelo de estilos opostos, mas de pressões: a busca pelo reencontro com o melhor futebol e por se colocar como postulante real a brigar pelo título brasileiro é o que se espera das equipes de Fábio Carille e Renato Gaúcho.

O técnico corintiano Fábio Carille já sente pressão para fazer sua equipe jogar bem para entrar na lista dos candidatos ao título brasileiro
O técnico corintiano Fábio Carille já sente pressão para fazer sua equipe jogar bem para entrar na lista dos candidatos ao título brasileiro - Daniel Augusto Jr. - 5.abr.19/Ag. Corinthians/Divulgação

É o confronto entre o último brasileiro e sul-americano campeão mundial (Corinthians-2012) e a última equipe nacional que venceu a Libertadores (Grêmio-2017), tira-teima que coloca em xeque o atual tricampeão paulista (façanha que não acontecia havia 80 anos, que em seus melhores momentos teve o seu jogo calçado na solidez do sistema defensivo) e o bicampeão gaúcho (equipe que, reconhecidamente, jogou o futebol mais vistoso e ofensivo nas últimas duas temporadas).

E como a exigência sempre é, compreensivelmente, maior em relação a quem pode entregar mais e de quem se espera algo, a cobrança existe apesar das conquistas recentes! O Grêmio, que apanhou os dois jogos que fez em casa no Brasileirão, precisa vencer para não se ver, já na quarta rodada, a dois dígitos da liderança e na zona do rebaixamento. E o Corinthians, que ainda não encheu uma mão de bons jogos em todo o ano, não quer deixar os ponteiros desgarrarem e, além do placar, é cobrado pelos críticos (não pela Fiel, que, registre-se, satisfaz-se com o resultado) para jogar um futebol minimamente convincente. E Carille tem jogadores para fazer o time jogar mais bola!

Além da vantagem dos fatores campo e torcida, o Corinthians teve a semana toda para se preparar para o confronto, enquanto o Grêmio jogou a vida e sobreviveu na Libertadores anteontem contra a Universidad Católica. Está com cheiro de vitória alvinegra sofrida...

Rubem Fonseca: “O sucesso sempre incomoda os medíocres ambiciosos, os sonhadores incapazes, os fracassados em geral”.

Eu sou o Vitor Guedes e tenho um nome a zelar. E zelar, claro, vem de ZL. É tudo nosso! É nóis na banca!

Assuntos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.