Descrição de chapéu Opinião

Caneladas do Vitão: Ei, você aí, vai começar o Campeonato Paulista...

São Paulo

Vem novamente à disputa, meu povo, à luta... Alô, povão, agora é fé! O Brasil já estreou no Pré-Olímpico (quem não viu não perdeu quase nada na sofrível e sofrida vitória por 1 a 0 sobre o Peru), alguns estaduais já deram o pontapé inicial (a primeira rodada esvaziada do Carioca foi de chorar de ruim), a Copinha será decidida no sábado e hoje, sem pompa nem circunstância, começa o Campeonato Paulista!

Jogador Hernanes corre no treino do São Paulo
Depois de uma temporada sem brilho, o meio-campista Hernanes é esperança do São Paulo na luta para encerrar o jejum de 14 anos conquista do Campeonato Paulista - Ronny Santos - 31.ago.17/Folhapress

Na condição de quem não despreza a competição e, ao contrário, combate a soberba, o elitismo e o colonialismo de quem diminui nossos regionais, fico à vontade para descer a lenha nos envolvidos!

É um absurdo o Paulistão começar em um meio de semana (sem a presença do atual tricampeão, Corinthians, que só joga amanhã) e sem qualquer estratégia de lançamento e divulgação por parte dos “organizadores”. É o armagedon!

Amistosos e torneios de pré-temporada à parte, era para o santista estar louco para ver a estreia oficial de Jesualdo, para o palmeirense contar as horas para rever Vanderlei Luxemburgo (o comandante do mais importante —1993— e do último —2008— Paulistões levantados pelo Palestra) em um jogo oficial, para o são-paulino, desconfiado e cansado da fila, estar louco para ver como começa à vera a temporada do Tricolor de Fernando Diniz, para o corinthiano ansiar pelo primeiro confronto valendo três pontos da era Tiago Nunes…

Entre a teoria e a prática, a verdade é que quem acompanha esporte está mais por dentro da tabela do Campeonato Inglês e até mais bem informado sobre o Superbowl que se aproxima do que com a rodada inaugural do Paulistão.

Não chega a ser uma novidade, mas é impressionante (com duplo “s”, registre-se) a capacidade renovada e ampliada de a cartolagem maltratar o nosso futebol! Apesar deles, bom Paulistão, torcedor!

José Saramago: “É desta massa que nós somos feitos: metade de indiferença, outra metade de maldade”.

Eu sou o Vitor Guedes e tenho um nome a zelar. E zelar, claro, vem de ZL. É tudo nosso! É nóis na banca!

Vitor Guedes
Vitor Guedes

42 anos, é ZL, jornalista formado e pós-graduado pela Universidade Metodista de São Paulo, comentarista esportivo, equilibrado e pai do Basílio

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.