Descrição de chapéu Opinião

Caneladas do Vitão: Quem nos protege do vírus da imbecilidade dos cartolas?

Como o coronavírus pode ser perigoso em um estádio e não ser em outro?

São Paulo

Nos barracos da cidade ninguém mais tem ilusão no poder da autoridade de tomar a decisão... Alô, povão, agora é fé! É tão estúpida a realização de futebol em tempos de pandemia mundial que, sob protesto, não comentarei Inter de Limeira 0 x 0 Palmeiras e São Paulo 2 x 1 Santos, jogos que, se a FPF, sindicato dos jogadores e clubes tivessem responsabilidade, não aconteceriam.

São Paulo  e Santos  jogam no estádio do Morumbi sem a presença da torcida por decisão da Federação Paulista de Futebol
São Paulo e Santos jogam no estádio do Morumbi sem a presença da torcida por decisão da Federação Paulista de Futebol - Eduardo Knapp/Folhapress

Quem compara o absurdo de ter futebol com os músicos do Titanic, que continuaram tocando enquanto o navio afundava, comete uma profunda injustiça com os instrumentistas. Ora, eles, mesmo se decidissem por parar a música, não tinham como evitar o naufrágio...

E, se não bastasse a total irresponsabilidade de manter a rodada, a decisão foi de uma imbecilidade ímpar por diferenciar onde poderia e não ter plateia.

Vamos lá: a nonsense FPF permitiu público em Oeste 3 x 0 Botafogo, em Barueri, mas não no San-São do Morumbi! Bizarro! Como entender que Guarani x Ponte Preta, nesta segunda (16), em Campinas, não terá público e aceitar que em Limeira, ao lado, pôde torcida, abraço entre técnicos, cumprimentos e, inclusive, crianças (algumas de colo!) como mascotes...

É isso: na capital, palmeirense não pode ir ao estádio. Mas pode pegar estrada e se juntar, em Limeira, aos alviverdes do interior... Vai ver o coronavírus respeita aquelas placas de limite do município e não atravessa a divisa...

Falei da bizarra FPF porque o Agora é paulista. No entanto, o que fizeram no Rio, mantendo Flamengo 2 x 1 Portuguesa mesmo sabendo que todo o elenco rubro-negro teve contato com um cartola que testou positivo para a doença, foi ainda mais inacreditável. E criminoso!

José Saramago: "Saberemos cada vez menos o que é um ser humano".

Eu sou o Vitor Guedes e tenho um nome a zelar. E zelar, claro, vem de ZL. É tudo nosso! É nóis na banca!

Palpites

Pressionado pelas vitórias de Bragantino (pensando em classificação) e Oeste (se olhar para a degola), o Timão, que não pode reclamar de falta de tempo para treinar, tem obrigação de ganhar do Ituano. Palpites: Corinthians 1 x 0 Ituano e Mirassol 1 x 0 Santo André.

Vitor Guedes
Vitor Guedes

43 anos, é ZL, jornalista formado e pós-graduado pela Universidade Metodista de São Paulo, comentarista esportivo, equilibrado e pai do Basílio

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.