Descrição de chapéu Opinião

Caneladas do Vitão: Muito desejado também pelo Palmeiras, Paulistão vale mais para o São Paulo

Alviverde chega para tentar o bi e manter o incômodo jejum tricolor

São Paulo

É hoje o dia da alegria, e a tristeza nem pode pensar em chegar... Alô, povão, agora é fé! No mesmo Morumbi, que, há 29 anos, em 1992, viu o São Paulo conquistar o bicampeonato paulista e prolongar a fila alviverde, o Palmeiras chega para tentar o bi e manter o incômodo jejum tricolor.

Arboleda se antecipa à marcação de Rony no duelo de ida da decisão do Paulistão, no Allianz Parque
Arboleda se antecipa à marcação de Rony no duelo de ida da decisão do Paulistão, no Allianz Parque - Adriano Vizoni - 20.mai.21/Folhapress

À época, a decisão, realizada logo após o São Paulo bater o Barcelona e conquistar o mundo, era "só" mais uma importante final para o Tricolor e encarada como "Copa do Mundo" para o Verdão... A situação agora é oposta. A diferença é que, óbvio, além de os tempos globalizados serem outros, o Palmeiras é o atual campeão paulista, da Copa do Brasil e da Libertadores, mas protagonizou vexame no Mundial de Clubes.

Se o Palmeiras (como deixou claro também no passeio semifinal em Itaquera) se sente muito à vontade na condição de favorito, não tem mostrado o mesmo conforto para decidir nos pênaltis... Foi assim que, mesmo tendo o pegador de pênalti Weverton, perdeu a Recopa Sul-Americana, a Supercopa do Brasil e o 3º lugar no Mundial...

O argentino Hernán Crespo, que faz um bom início de trabalho e melhorou demais o Tricolor escalando cada um na sua posição e abortando a ridícula saidinha à Diniz, sabe que de nada adiantará a melhor campanha na fase de classificação se não der a volta olímpica hoje. Já o português Abel Ferreira, que já conquistou a torcida que canta e vibra com títulos e chiliques midiáticos contra tudo e contra todos, tem histórico para suportar uma eventual derrota, ainda que queira (e faz muitíssimo bem em querer!) demais o Paulistão!

Mario Quintana: "Sonhar é acordar-se para dentro".

Sou o Vitor Guedes e tenho um nome a zelar. E zelar, claro, vem de ZL! É tudo nosso! É nóis na banca! No agora.com.br! E no youtube.com/blogdovitao.

Palpites do Vitão

Grêmio e Fortaleza têm a ótima vantagem do empate e, pois, favoritismo, mas acredito no Vozão no Ceará. No Morumbi, o Palmeiras, mais inteiro e menos pressionado, é o favorito contra o Tricolor. Palpites: São Paulo 0 x 1 Palmeiras, Grêmio 1 x 1 Internacional, Fortaleza 0 x 1 Ceará e Náutico 1 x 0 Sport.

Vitor Guedes
Vitor Guedes

44 anos, é ZL, jornalista formado e pós-graduado pela Universidade Metodista de São Paulo, comentarista esportivo, equilibrado e pai do Basílio.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.