Descrição de chapéu Defesa do Cidadão

Bilhete Único não é emitido;veja outras reclamações

Estudante não consegue fazer cadastro

Laíssa Barros Havolene Valinhos
São Paulo

A analista de sistemas Juliana Novo, 40 anos, da Liberdade (região central), conta que seu filho não conseguiu a emissão do Bilhete Único Estudante.

A leitora relata que, após muitas ligações para a SPTrans, foi orientada a solicitar uma correção cadastral no site da secretaria.

Leitora não conseguiu fazer atualização cadastral no site da SPTrans
Leitora não conseguiu fazer atualização cadastral no site da SPTrans - Gabriel Cabral/Folhapress


“Tentamos diversas vezes, em todos os tipos de navegadores, mas o site não deixa finalizar o cadastro”, diz.“Disseram que, no final de 2018, deletaram toda a base de dados dos estudantes que possuíam o benefício e muitos alunos foram afetados. Será que teremos que continuar gastando o dobro para irem à escola?”

SPTrans
Tel.: 156

 

SPTrans libera utilização

A SPTrans informa, por meio de nota de sua assessoria de imprensa, que o aluno está utilizando o benefício Bilhete Único Estudante de meia tarifa desde 2 de abril.

A empresa diz ainda que, após a escola enviar os dados de matrícula do estudante, foi possível corrigir a divergência de cadastro no sistema.

Em novo contato com o Agora, a leitora confirmou a informação. “Finalmente, resolveram o problema e o bilhete está funcionando.”

______________________

Veja outras reclamações

Ituran

O agente de pesquisa Adilon Ubirajara da Silva, 58 anos, de São Miguel Paulista (zona leste), relata que a Ituran não envia o boleto de cobrança para o seu endereço como ele havia solicitado. “Entrei em contato com a central de atendimento e com a ouvidoria. Já confirmei endereço e nada. Nunca recebo a fatura em casa. Não pagarei juros por causa deles.”

Resposta

A Ituran informa que entrou em contato com o cliente e que o endereço dele está cadastrado como boleto físico e que o envio é feito pelo banco. A empresa diz ainda que trabalha com débito automático ou boleto eletrônico bem como outras opções de pagamento.
 

Sky

O aposentado José Carlos dos Santos Dias, 57 anos, de Cidade Líder (zona leste), conta que assinou um pacote da Sky e, há quatro meses, está sem sinal de alguns canais contratados. “Já reclamei diversas vezes e eles não resolvem. Sempre dizem que está tudo certo e que meus canais estão liberados, o que não é verdade”, afirma o leitor ao Agora.

Resposta

A Sky informa, por meio de nota de sua assessoria de imprensa, que na região onde o consumidor reside, a empresa não tem mais autorização de alguns canais para transmiti-los com o sinal digital de forma gratuita. Portanto, o leitor deve realizar uma recarga.

Santander
A consultora Camila Nestor Pal, afirma que está recebendo diversas chamadas do banco Santander cobrando uma pessoa que não é ela. “Eles me ligam o dia inteiro e ainda mandam mensagens de texto no celular”, diz a leitora. “Já tentei, sem sucesso, tirar meu telefone e meu nome dessas cobranças, mas não consegui”, reclama à reportagem.

Resposta

Segundo nota enviada pela assessoria da imprensa, o Santander informa que entrou em contato com a leitora e prestou os devidos esclarecimentos sobre ligações e cobranças em nome de outra pessoa. O banco diz ainda estar à disposição.

McDonald’s

A professora Elizabeth Soares, 61 anos, da Liberdade (região central), reclama que ela e os moradores do condomínio onde mora estão sendo prejudicados pelo barulho do motor do sistema de refrigeração do McDonald’s da Praça da Liberdade. “O gerente da loja disse que iria tomar providências, porém, até agora, nada. Estamos muito estressados.”


Resposta

O McDonald’s da Praça da Liberdade informa, por meio da assessoria de imprensa, que o problema foi resolvido. “Tentamos falar com a leitora para explicar o ocorrido e pedir desculpas, mas não conseguimos fazer contato pelo telefone indicado”, afirmou a empresa.

Pontofrio.com

O produtor gráfico Osmar Pinheiro, 54 anos, da Penha (zona leste), conta que fez a compra de um tablet pelo site do Ponto Frio no dia 15 de janeiro e, como não recebeu o item em 30 dias, cancelou a compra. “Desde então, peço o estorno do valor integral da compra na minha conta, mas não consigo. Estou cansado de anotar protocolos”, diz ele.

Resposta

O Pontofrio.com informa, por meio de nota, que o pagamento do estorno da compra do cliente foi efetuado. “Depois de descumprirem com a palavra de entregar a compra que fiz e de eu esperar por todos esses meses, enfim devolveram a grana”, afirmou o produtor.
 

Casasbahia.com

O jornalista Felipe de Oliveira, 29 anos, de Pirituba (zona norte), diz que comprou um fogão no site das Casas Bahia em 16 de março, que era para ser entregue no dia 23 do mesmo mês, o que não aconteceu. “Entrei várias vezes em contato com o SAC e fui sempre muito mal atendido. Ninguém sabe responder quando o produto será entregue”, queixa-se.

Resposta

As Casasbahia.com informam, por meio de nota, que o produto foi entregue ao consumidor. “O fogão chegou, mas estive verificando as redes sociais da empresa e diversos clientes estão reclamando das entregas”, disse o leitor.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.