Descrição de chapéu Coronavírus

Enel não vai cortar luz de quem teve aumento na conta em SP

Garantia de abastecimento para inadimplentes vale até o fim de agosto

São Paulo

A Enel informou que não cortará a energia por motivo de inadimplência de clientes da capital paulista e Grande São Paulo até, pelo menos, o fim de agosto.

De acordo com nota divulgada pela distribuidora na terça-feira (11), os avisos de corte somente voltarão a ser enviados em setembro. Após receber o comunicado, impresso na conta de luz, o cliente contará com prazo de 15 dias para negociar seus débitos.

O compromisso de manutenção temporária do abastecimento para devedores faz parte de um acordo entre a Enel e o Procon de São Paulo.

Aproximadamente 55 mil consumidores fizeram queixas ao Procon envolvendo aumentos anormais em suas contas de luz.

Devido à pandemia de Covid-19, a distribuidora de energia deixou de realizar leitura presencial dos medidores entre março e junho, optando por fazer as cobranças pela média de consumo, o que, segundo o Procon, gerou faturamentos incorretos.

Ao assinar o termo de cooperação com o Procon, a Enel também se comprometeu a parcelar automaticamente as cobranças que sofreram aumentos no período de quarentena.

Em nota, a Enel São Paulo explica que o parcelamento automático vale para clientes que registraram reclamações no Procon.

A empresa, porém, afirma oferecer a todos os clientes a possibilidade de parcelar suas contas em atraso em até 12 vezes, na própria fatura, sem juros do financiamento.

O parcelamento pode ser realizado por meio do Aplicativo Enel SP e também na página que a empresa mantém na internet para a negociação de dívidas. Quem preferir, pode telefonar para a central de atendimento pelo número 0800-7272120.

Consumidores que estiverem com problemas ou dúvidas referentes às contas de energia da Enel podem reclamar pelo aplicativo ou pelo site do Procon-SP.

Postos de atendimento ampliam horário

A Enel ampliou o seu horário de atendimento em 24 postos na capital paulista e Grande São Paulo e começou a disponibilizar, a partir desta quinta-feira (13), o atendimento com hora marcada nas lojas. O agendamento é pelo site da empresa (www.eneldistribuicaosp.com.br).

Desde a reabertura das lojas, em 3 de agosto, consumidores fazem filas nos locais para reclamar do aumento no valor da conta de luz durante a quarentena de combate ao novo coronavírus.

O novo horário de funcionamento, de segunda a sexta-feira, é entre 7h e 16h30 e foi estabelecido após acordo com prefeituras dos municípios onde ocorrerá o atendimento estendido.

Doze lojas também passaram a abrir aos sábados, das 9h às 15h.

Os horários especiais serão mantidos pelo “período que for necessário”, informou a distribuidora.

A Enel distribui energia para 7,2 milhões de imóveis em 24 municípios da Região Metropolitana de São Paulo, incluindo a capital paulista.

Lojas que funcionam das 7h às 16h30 de segunda a sexta-feira:

Zona Leste

  • São Miguel - av. São Miguel, 9.419
  • Tatuapé - rua Padre Estevão Pernet, 314

Zona Oeste

  • Freguesia do Ó - av. Santa Marina, 2.523 / 2.525

Zona Sul

  • Jabaquara - av. Engenheiro Armando de Arruda Pereira, 394
  • Santo Amaro - rua Barão do Rio Branco, 425

Zona Norte

  • Santana - rua Voluntários da Pátria , 1.068

Grande SP

  • Barueri - av. Henriqueta Mendes Guerra, 604
  • Cajamar - av. Tenente Marques, 1667
  • Cotia - av. Prof. Joaquim Barreto, 322
  • Diadema - av. Nossa Senhora das Vitórias, 275
  • Embu-Guaçu - av. Elias Yazbek, 984
  • Itapevi - rua Manoel Alves Mendes, 204
  • Juquitiba - rua ver. João Aquino Soares, 180
  • Mauá - rua dr. Getúlio Vargas, 172
  • Osasco - rua Euclides da Cunha, 150
  • Pirapora do Bom Jesus - rua José Bonifácio, 64
  • Ribeirão Pires - rua João Domingues de Oliveira, 337
  • Rio Grande da Serra - rua José Maria de Figueiredo, 130 A
  • Santana de Paranaíba - av. Copacabana, 55 C
  • Santo André - rua Onze de Junho, 461
  • São Bernardo do Campo - av. Brigadeiro Faria Lima, 1.280
  • São Caetano do Sul - av. Goiás, 215
  • São Lourenço da Serra - rua Honório Augusto de Camargo, 320
  • Taboão da Serra - praça Nicola Vivelechio , 287
  • Vargem Grande - José Manuel de Oliveira, 248

Lojas que abrem aos sábados, das 9h às 15h:

Zona Leste

  • São Miguel - av. São Miguel, 9.419
  • Tatuapé - rua Padre Estevão Pernet, 314

Zona Oeste

  • Freguesia do Ó - av. Santa Marina, 2.523 / 2.525

Zona Sul

  • Jabaquara - av. Engenheiro Armando de Arruda Pereira, 394
  • Santo Amaro - rua Barão do Rio Branco, 425

Zona Norte

  • Santana - rua Voluntários da Pátria , 1.068

Grande SP

  • Diadema - Av. Nossa Senhora das Vitórias, 275
  • Mauá - rua dr. Getúlio Vargas, 172
  • Osasco - rua Euclides da Cunha, 150
  • Santo André - rua Onze de Junho, 461
  • São Bernardo do Campo - av. Brigadeiro Faria Lima, 1.280
  • São Caetano do Sul - av. Goiás, 215

Fonte: Enel Distribuição São Paulo

Assuntos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.