Descrição de chapéu Defesa do Cidadão

Consumidor recebe conta de luz com valor 10 vezes maior

Ele afirma que pagava R$ 15 por mês, mas reclama que recebeu cobrança de R$ 150

O comunicador Edson Nova, 28 anos, de Barueri (Grande SP), conta que levou um susto ao receber sua conta de luz do mês de julho. Ele afirma que o valor cobrado pela distribuidora Enel era dez vezes maior do que estava acostumado a pagar pelo serviço.

Nova explica que, desde o começo da pandemia, está recebendo contas cobradas pela média, no valor de R$ 15, mas queixa-se que, em julho, o boleto foi de R$ 150. “Moro sozinho e continuo trabalhando fora de casa, não existe motivo para um aumento deste tamanho”, queixa-se o leitor.

O comunicador conta que após o susto começou uma epopeia para conseguir resolver o problema, mas, após um mês, ele ainda persiste.

Edson Nova reclamou com a Enel; ele mora sozinho e não fez home office nesta pandemia - Arquivo pessoal

“Liguei no número do atendimento ao cliente, mas não funcionou. Fiquei pendurado horas no telefone esperando atendimento e nada. Consegui somente uma resposta por uma rede social da empresa, mas foi evasiva e não relacionada ao meu caso”, conta.

Segundo o leitor, a empresa disse que a pandemia elevou o valor da conta. “O que não é verdade, ou, nos meses anteriores eu teria recebido um valor maior.”

Nova tentou ainda contato com a ouvidoria, mas não obteve nenhuma solicitação respondida. Ele pede a intervenção do Defesa do Cidadão para seu caso.

“Uma conta dez vezes maior do que o normal não deve estar correta, eles precisam revisar o valor. Todo mundo sabe que a Enel está atrapalhada e fazendo cobranças indevidas durante a quarentena”, diz ao Agora.

“Eles precisam analisar caso a caso e não dar uma resposta padrão para todos.”

Enel revisa valor de cobrança

A Enel informa, em nota enviada por sua assessoria de imprensa ao Defesa do Cidadão que, após análise, as faturas de julho e agosto do consumidor foram revisadas e a segunda via foi enviada por email, com nova data de vencimento, para o leitor Edson Nova.

Em novo contato com o Agora, Nova confirmou o contato da Enel, o envio de uma nova conta e a resolução total de seu caso até o momento. Ele agradeceu a intervenção do Defesa do Cidadão.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.