Doca Street, que matou Angela Diniz em 1976, morre aos 86 anos

Caso emblemático na luta do movimento feminista vai virar série no GloboPlay

24.08.2006 - Doca Street, que assassinou sua namorada, Angela Diniz, na década de 70, lançou livro de memorias. Ele deu entrevista à Folha e posou para fotos na Casa das Caldeiras, antiga fabrica da família Matarazzo, empresa onde trabalhou. Foto: Marlene Bergamo/Folhapress. Digital - - Marlene Bergamo/Folhapress
São Paulo

Morreu nesta sexta-feira (18), aos 86 anos, Raul Fernando do Amaral Street, mais conhecido como Doca Street. Ele ficou nacionalmente conhecido por ter assassinado a socialite Ângela Diniz com quatro tiros no rosto em dezembro de 1976. O assunto voltou à tona com força recentemente por causa do sucesso do podcast “Praia dos Ossos”, que relata o episódio e ao qual o próprio Doca deu entrevista.

O caso Angela Diniz é um marco na luta do movimento feminista no país. O Globoplay vem produzindo uma série ficcional sobre a história de Angela e Doca, com olhar atualizado sobre o que aconteceu então, sob direção do cineasta Bruno Barreto. A previsão de lançamento é entre 2021 e 2022. Segundo familiares, Doca não estava doente e sofreu uma parada cardiorrespiratória.

0.tif Ângela Diniz, que foi assassinada por Doca Street (Raul Fernando do Amaral Street) na década de 70. Doca foi julgado e condenado a dois anos, com direito a sursis. Saiu livre do tribunal e virou uma espécie de herói nacional. (13.08.1973. Foto: Acervo UH/Folhapress) - Arquivo UH/Folhapress

SEM SAÍDA

Adiado por duas vezes e novamente agendado para este sábado (19), o show que marcaria os 29 anos de carreira de Zezé Di Camargo e Luciano teve de ser mais uma vez protelado, agora para março de 2021, às vésperas do 30º aniversário da dupla.

NOVA ONDA

Assim como Zezé e Luciano, vários artistas já vinham se programando para a retomada de apresentações presenciais em planos traçados há dois meses, quando a Covid-19 parecia dar uma trégua. A volta do crescimento da doença tem motivado o cancelamento de várias previsões também no teatro e no cinema.

BRUNA SOB DEMANDA

Escalada para fazer par com Enzo Romani na série “Condomínio Maldivas”, em produção para a Netflix, Bruna Marquezine posa para campanha de lingerie internacional que a tem como garota-propaganda no Brasil. Afastada da TV desde a novela “Deus Salve o Rei”, a atriz engata outro ritmo de trabalho, agora para ser vista de acordo com a vontade do público e não mais de modo automático pela audiência viciada da Globo. Para ela, o modelo vale como um novo teste e grande experiência. O expediente será dividido com a grande amiga Manu Gavassi, atriz, cantora e ex-BBB, além de Sheron Menezzes e Guilherme Winter, o Moisés da Record

PARA JÁ

Perto de lançar novo álbum, Paul McCartney, 78 anos, disse ao portal The Sun que não vê a hora de tomar a vacina contra a Covid. A vacinação já está em andamento no Reino Unido. O ex-Beatle afirmou que está ansioso para se juntar a outras estrelas e receber a primeira dose.

Paul McCartney
Paul McCartney - Paul McCartney no Instagram

É O AMOR

Amor Nem só de pitos vive Tom Cruise, 58 anos, no set de “Missão Impossível 7”, onde o astro tem gritado para fazer valer o protocolo de segurança contra o coronavírus. Segundo o jornal The Sun, ele está namorando sua colega de elenco, Hayley Atwell, 38, atriz da Marvel. A pandemia conspirou a favor do casal.

Tom Cruise e Hayley Atwell nas filmagens de "Missão Impossível" em Roma (Foto de Alberto PIZZOLI / AFP) .06.out.2020 - AFP

FRASE

"Só tenho a agradecer por esse papel magnífico que foi viver Papai Noel. Que o espírito do Natal entre de verdade nos lares e possamos ajudar a curar o mundo com o amor dessa fábula"

Milton Gonçalves sobre o especial de Natal que a Globo reprisa no domingo (20)

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.