Suspeito de sequestrar filho de cônsul do Sri Lanka é preso

Autônomo de 39 anos foi rendido no Campo Limpo, zona sul de São Paulo

Alfredo Henrique

A polícia prendeu no fim da tarde desta quinta-feira (6), no Campo Limpo (zona sul), um homem acusado de realizar saques com o cartão bancário do filho do cônsul do Sri Lanka, um autônomo de 39 anos, no último dia 29. 

Segundo a vítima, ele aguardava por um amigo dentro de um carro, em Santo Amaro (zona sul), quando dois suspeitos a pé o abordaram. Um deles estava armado. 

Sob ameaças, a vítima foi obrigada a se sentar no banco do passageiro. Um dos criminosos, segundo depoimento à polícia, assumiu o volante do carro, enquanto outro se sentou no banco traseiro, atrás do autônomo. Ambos os ladrões ainda não foram identificados. 

A dupla conduziu o carro da vítima, um Citröen C3 prata, até a estrada de Itapecerica, onde dois cartões bancários do autônomo teriam sido entregues, com as senhas, ao acusado preso quinta-feira. A defesa dele não foi encontrada pela reportagem. 

Segundo a polícia, a dupla circulou por cerca de duas horas com o autônomo, enquanto o terceiro crimino sacou R$ 6.700 mil. 

Após o sequestro relâmpago, a vítima foi deixada, junto com o carro, nas proximidades do terminal João Dias. 

Nesta quinta-feira, a Polícia Militar recebeu denúncia informando sobre uma casa em que o suspeito de sacar o dinheiro da vítima estava, no Campo Limpo. 

Com base em imagens de câmeras de monitoramento, policiais identificaram o acusado e o prenderam por extorsão.

Assuntos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.