Descrição de chapéu Zona Sul

Lista de serviços e rapidez são pontos fortes do programa Descomplica

Programa recém-inaugurado pela prefeitura mostra ser eficiente e agrada aos usuários em SP

Elaine Granconato
São Paulo

Inspirado no Poupatempo do governo do estado, o Descomplica SP é um programa municipal que oferece em um só lugar cerca de 350 serviços públicos de forma mais ágil e eficiente ao cidadão. Entre eles, destaque para emissão da carteira de trabalho, solicitação do Bilhete Único e cadastro para o recebimento de benefícios sociais.

O Vigilante Agora visitou na semana passada as quatro unidades já entregues pela gestão Bruno Covas (PSDB) na capital, desde o lançamento do programa (março de 2018).

Na época, ainda era um projeto-piloto na praça de atendimento da Subprefeitura de São Miguel Paulista, na zona leste. Agora, são 46 mesas de atendimento, com todos os painéis eletrônicos de senhas em funcionamento na área de 1.200 metros quadrados do prédio da subprefeitura.

"Nem sentei, a senha chamou", contou a autônoma Tais Nascimento da Silva, 22 anos, residente no Itaim Paulista (zona leste), que apresentou a declaração anual do imposto de renda necessária como MEI (Microempreendedor Individual). Ela não permaneceu mais de 20 minutos na unidade de São Miguel Paulista.

Ao seu lado, o marido Silas Sanches Barabanov, 30 anos, aprovou o novo serviço. "Antes da reforma, era tudo misturado e demorava demais", disse o feirante. A unidade dispõe, inclusive, de agência dos Correios, serviço do governo federal.

Das quatro unidades visitadas, a do Butantã (zona oeste) foi uma das últimas inauguradas e entregue em agosto. Funcionários colocavam o painel dos serviços na fachada.

Apesar de achar o local mais bonito hoje, a empresária Rita de La Lastra, 68 anos, moradora em Alphaville, Barueri (Grande SP), reclamou da demora. "Tenho senha preferencial, mas não me chamaram até agora", disse. A senha apontava a chegada às 15h08 e ela foi chamada às 15h28.

Na unidade Santana/Tucuruvi, funcionário do Descomplica ajudava cadeirante na área externa.

Resposta: Mais quatro postos em 2020

A Secretaria de Inovação e Tecnologia da Prefeitura de São P)aulo, sob gestão de Bruno Covas (PSDB), diz, em nota, que, até o início de 2020, quatro novos postos de atendimento serão abertos na Penha (zona leste), Capela do Socorro (zona sul), Jabaquara (zona sul) e São Mateus (zona leste).

Sobre as falhas apontadas pela reportagem, equipes de manutenção farão os ajustes necessários.
"Cada unidade custou cerca de R$ 3,5 milhões e oferece, entre outros, acessibilidade integral aos usuários com deficiência física, visual e auditiva." 

O volume de serviços ofertados, segundo a pasta, varia de acordo com a infraestrutura de cada unidade (entre 270 e 360 ofertas) e algumas das praças receberam o apoio de serviços estaduais e federais (Correios e Banco do Brasil)

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.