Mulher é encontrada morta a facadas dentro de casa, na zona leste de SP

Principal suspeito pelo crime seria companheiro da vítima, segundo a polícia

São Paulo

Daniela Silva de Oliveira, 29 anos, foi encontrada morta a facadas, dentro de casa, na manhã de segunda-feira (13), no Jardim São Paulo (zona leste da capital paulista). O companheiro da vítima é o principal suspeito pelo crime, de acordo com a polícia. Ele não havia sido preso até a publicação desta reportagem. 

Segundo a polícia, uma amiga de Daniela afirmou em depoimento que o suspeito teria se envolvido com drogas, provocando o fim do relacionamento com a vítima. Ambos, no entanto, teriam reatado há cerca de dois meses e voltado a morar juntos, em uma favela conhecida como Vila do Chaves. 

A polícia investiga o que teria motivado o crime, que foi registrado como feminicídio (quando a vítima é morta por ser mulher). 

Daniela deixa dois filhos, idades não informadas, fruto de outro relacionamento.

Assuntos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.