Corinthians busca empate, mas perde chance de colar no líder

Alvinegro tropeça no lanterna Avaí em Florianópolis

Marcelo Mora
São Paulo

O Corinthians desperdiçou uma boa oportunidade de ficar pertinho dos líderes do Campeonato Brasileiro. Na noite de domingo (25), na Ressacada, em Florianópolis, a equipe só empatou por 1 a 1 com o Avaí, que ainda não venceu na competição e segura a lanterna desde as primeiras rodadas.

Com o resultado, o time do técnico Fábio Carille, que saiu atrás no marcador, chegou a 28 pontos, passando o Atlético-MG, com 27, e assumindo a quinta colocação. A distância para o líder, que agora é o Flamengo, continuou em cinco pontos.

O atacante Vagner Love entrou bem na partida - Andres Stapff - 1º.ago.19/Reuters

Sem vários titulares, o Timão voltou a ter a bola parada como praticamente sua única opção ofensiva diante de um frágil adversário. E foi desta maneira que chegou a balançar a rede logo aos 10min.

Sornoza cobrou falta na intermediária e alçou a bola na área adversária, buscando o cabeceio por parte dos zagueiros Gil e Manoel. A zaga afastou mal, e a bola sobrou para Matheus Jesus, que emendou de primeira e fez um belo gol. O lance, no entanto, foi analisado pelo VAR, que constou o impedimento de Gil no momento da batida da falta. O gol acabou invalidado.

Na sequência, o time catarinense chegou a ter maior posse de bola, mas falhou seguidamente nas finalizações. Aos 38min, os corintianos pediram pênalti após Michel Macedo dividir com Richard Franco e cair na área. O lance também foi analisado pelo VAR, mas desta vez a marcação de campo foi mantida.

O lateral corintiano, que substituía o titular Fagner, poupado para o jogo de volta contra o Fluminense pelas quartas de final da Copa Sul-Americana, acabaria sendo expulso justamente com o auxílio do árbitro de vídeo no início do segundo tempo. Ao saltar para disputar bola pelo alto, Michel acertou o cotovelo no rosto do atacante Brenner.

Nem deu tempo de a equipe paulista se recompor em campo. Aos 14min, após cobrança de escanteio, o paraguaio Richard Franco subiu mais do que Ralf e cabeceou para colocar o Avaí à frente do marcador.

A entrada de Vagner Love no lugar de Boselli evitou o pior para o time paulista. Aos 28min, o zagueiro Betão teve de parar com falta Love, que ia em direção ao gol, e foi expulso.

Com dez contra dez, o Timão foi para cima em busca do empate, que veio justamente pelos pés do mesmo Vagner Love. Aos 32min, ele aproveitou a confusão na área para balançar a rede adversária.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.