Descrição de chapéu INSS

Segurada espera a aposentadoria há mais de 7 meses

Sempre que consulta o INSS, trabalhadora é informada de que o pedido de benefício ainda está em análise

Fernanda Brigatti
São Paulo

 A professora Leonilda Aparecida Gonçalves, 62 anos, relata ter feito o pedido de sua aposentadoria por idade ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) no mês de setembro do ano passado.

“Toda vez que eu consulto pelo 135, a informação é a mesma, de que o pedido está em análise”, diz Leonilda.

Os cálculos feitos pela segurada apontam um pouco mais de 16 anos de contribuições ao INSS. O tempo mínimo exigido pelo instituto para a concessão do benefício por idade é de 15 anos.

Leonilda Aparecida Gonçalves, 62 anos, é professora e está esperando por uma resposta do INSS para o seu pedido de aposentadoria por idade há oito meses
Leonilda Aparecida Gonçalves, 62 anos, é professora e está esperando por uma resposta do INSS para o seu pedido de aposentadoria por idade há oito meses - Rubens Cavallari/Folhapress

Leonilda também já completou a idade de mínima. Nesse tipo de aposentadoria, é necessário ter 60 anos de idade, no caso das mulheres, e 65, no dos homens.

“Quando pedi, tinha 62 anos. Já estou quase fazendo 63, e nada. Preciso comprar remédios, não dá para esperar tanto assim”, diz a professora.

Ela afirma também que estranha a demora no resultado, pois considera que todos os vínculos de trabalho estão regulares no Cnis (Cadastro Nacional de Informações Sociais), o que deveria facilitar a concessão do benefício, em sua opinião. “Mas já são quase nove meses esperando sem uma resposta”, afirma Leonilda.

INSS pede mais documentos

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) em São Paulo informou que enviou uma carta de exigências ao email da segurada, na qual pede a apresentação de mais documentos para a continuidade do pedido de aposentadoria por idade de Leonilda Aparecida Gonçalves.

Para apresentar os documentos solicitados pelo INSS, a segurada deverá agendar data e horário. Isso deve ser feito por meio do site meu.inss.gov.br ou pelo telefone 135.
 

Assuntos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.