Descrição de chapéu Defesa do Cidadão

Leitor diz que a Fiat não entrega peça

Assistente de recursos humanos foi chamado por fabricante para trocar eixo traseiro de automóvel, mas não recebeu peça

Laíssa Barros
São Paulo

O assistente de recursos humanos Bruno Garcia Toganschi, 29 anos, do Jardim Jaraguá (zona oeste), reclama que a Fiat não entregou uma peça necessária ao realizar o recall de seu carro.

“Em junho recebi uma carta da fabricante pedindo que eu trocasse o eixo traseiro do automóvel. Descobriram que a peça apresentava trincas e chamaram milhares de clientes para efetuar o recall, eu fui um deles”, conta  Toganschi. 

Bruno Garcia Toganschi, 29 anos, conta que está aguardando o envio do item para que o conserto seja realizado em seu carro; ele diz estar insatisfeito com a situação e solicita providências por parte da empresa
Bruno Garcia Toganschi, 29 anos, conta que está aguardando o envio do item para que o conserto seja realizado em seu carro; ele diz estar insatisfeito com a situação e solicita providências por parte da empresa - Rivaldo Gomes/Folhapress

“No dia 29 de junho, compareci a uma loja da Fiat e, para a minha surpresa, fui informado pelos funcionários que a loja estava sem a peça para efetuar a troca. Eles pediram que eu deixasse o meu carro, alegando risco de acidente se eu usasse o automóvel sem a peça nova, mas, até hoje, não efetuaram o serviço. Estou sem o veículo há quase 20 dias”, queixa-se.

Segundo Toganschi, a loja afirma que ainda não recebeu a peça da fábrica da Fiat. “Como chamam para um recall e não disponibilizam peças suficientes para fazer a troca? Além disso, ficam com meu carro e não me passam uma data para a entrega. Estou me sentindo muito lesado com tudo isso, por favor, me ajudem”, afirma o leitor ao Agora.

Fiat
Tel.: 0800-707100

Empresa faz contato com cliente

O leitor Bruno Garcia Toganschi afirma que a Fiat entrou em contato com ele nesta segunda-feira (15). 
Segundo ele, o telefonema da montadora era para informar que não há prazo para a entrega da peça. 

Toganschi afirmou ainda que a empresa prometeu verificar a possibilidade de disponibilizar um carro reserva para ele. Em nota, a montadora alegou feriado na fábrica de Betim, em Minas Gerais.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.