Descrição de chapéu Defesa do Cidadão

Máquina de cartão da Credicard não funciona e causa prejuízo

Leitor afirma que está perdendo vendas por máquina da Credicard não funcionar; "Pedi ajuda e não fizeram nada", diz

Laíssa Barros
São Paulo

O empresário Eduardo Pantiga, 52 anos, da Vila Monumento (zona sul), reclama que está tendo prejuízos em seu estabelecimento porque sua máquina de cartão da Credicard não está funcionando como deveria. 

“Estou indignado com essa empresa. Há três meses não consigo usar a maquininha. Estou perdendo muitas vendas e ficando no prejuízo”, conta o leitor ao Agora. 

De acordo com Pantiga, a máquina parou de funcionar sem nenhum motivo. “Entrei em contato com a empresa e pediram para que eu a levasse até uma assistência técnica autorizada. O aparelho ficou um mês lá e voltou do mesmo jeito. Não liga e não funciona por nada no mundo”, afirma ele.

O empresário Eduardo Pantiga, 52 anos, reclama que a máquina da Credicard não funciona; ele afirma que isso está lhe causando prejuízos   - Rubens Cavallari/Folhapress

Pantiga conta que tentou novos contatos com a Credicard, mas não houve nenhuma resposta ou ação por parte da empresa para resolver o problema. 

“Depois que a assistência técnica não consertou o aparelho, nunca mais consegui uma nova posição da Credicard. Cada vez que ligo para o SAC sou atendido por uma pessoa diferente e ninguém me ajuda de verdade”, queixa-se. 

“Da última vez, uma funcionária até riu do meu caso e desligou o telefone. Sou cliente e mereço respeito. Nunca trataria alguém no meu estabelecimento como estou sendo tratado pela Credicard. Peço ajuda do Agora para resolver esse problema”, diz o leitor. 

Credicard soluciona problema

A Credicard informa que lamenta o transtorno e afirma que a situação já foi solucionada. A empresa diz ainda que o atendimento telefônico descrito pelo leitor é inadmissível e em total desalinhamento com os valores da Credicard, que valoriza a ética e o respeito aos clientes. 

Em novo contato com o Agora, Pantiga confirmou que a  empresa efetuou a troca de sua máquina. “Já estou usando o novo equipamento. Obrigada, sem vocês não teria sido ouvido”, contou à reportagem. 

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.