Descrição de chapéu Imposto de Renda

Receita libera na segunda consulta ao 7º e último lote do IR

Consulta será aberta às 9h; grana cai na conta uma semana depois, no dia 16 de dezembro

São Paulo

A Receita Federal abrirá, às 9h da próxima segunda-feira (9), a consulta ao sétimo e último lote de restituições do Imposto de Renda deste ano.

Para consultar, o contribuinte que declarou o IR, tem restituição a receber e ainda não teve os valores depositados pode ligar para o Receitafone, no telefone 156, ou acessar o site da Receita (receita.economia.gov.br). Será preciso informar o CPF.

Segundo o fisco, os valores devem ser depositados na segunda-feira (16), na conta indicada na declaração. Ao todo, o crédito bancário será feito para 320.606 contribuintes, que vão receber R$ 700 milhões.

Desse total, R$ 172.952.366,78 são para contribuintes prioritários, o que envolve 3.308 idosos acima de 80 anos, 21.410 contribuintes entre 60 e 79 anos, 3.172 com alguma deficiência física ou mental ou doença grave e 9.789 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

A grana paga é corrigida pela taxa básica de juros da economia, a Selic. Este lote terá correção de 4,40%. Há ainda o pagamento de valores para quem saiu da malha fina de exercícios anteriores. Serão pagas restituições desde 2008.

Malha fina

Quem declarou o IR neste ano, tinha grana a receber e não entrar neste lote está na malha fina. Isso significa que a declaração enviada tem alguma pendência. Enquanto o erro não for solucionado, o fisco não paga os valores.

Para saber qual a falha na declaração e como corrigi-la, o contribuinte deve acessar o Portal eCAC (Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte). É preciso gerar um código de acesso e definir uma senha. O centro vitual da Receita é a melhor forma de acompanhar a situação junto ao fisco.

O que fazer

Caso a declaração tenha erros, a correção é simples. É preciso entrar no programa que estão no computador, tablet ou celular, usado anteriormente para fazer o IR de 2019 e clicar no documento enviado à Receita. Na ficha de identificação do contribuinte, é preciso indicar “Declaração Retificadora”.

Se, ao abrir o programa, aparecer alguma mensagem de que há uma nova versão disponível, é preciso fazer a atualização. Para isso, basta clicar em “Atualizar”. O programa será fechado e aberto novamente. 

Lotes são pagos de junho a dezembro

Os lotes de restituição do Imposto de Renda começam a ser pagos pela Receita Federal no mês de junho e vão até dezembro. Ao todo, são sete lotes anuais.

Assuntos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.