Descrição de chapéu Defesa do Cidadão

Aposentado reclama de vazamento da Sabesp

Leitor diz que sua casa foi interditada após seguidos problemas com rede de água

São Paulo

O aposentado José Carlos Vasconcellos, 73 anos, do Jardim São Luis, em Santo Amaro (zona sul), reclama da falta de respaldo da Sabesp com relação a um problema na estrutura de cinco casas na rua onde mora.

Segundo o leitor, um vazamento na via, que seria decorrente da tubulação da Sabesp, tem gerado infiltrações e rachaduras nas residências. “Primeiro, em junho, houve o afundamento da calçada de um vizinho. A Sabesp esteve aqui e realizou o reparo. Dois dias depois, começou a jorrar água no meio da via. Então, a concessionária veio novamente e fez o conserto”, relata.

José Carlos Vasconcellos reclama do atendimento da Sabesp - Arquivo pessoal
“Depois disso, resolvemos contratar um engenheiro particular, que analisou os imóveis e constatou risco. O laudo do profissional aponta que o vazamento da Sabesp tem relação direta com os problemas que estamos vivendo.”

Vasconcellos relata que os moradores foram orientados a chamar a Defesa Civil para analisar a situação das residências. “A Defesa Civil interditou três dos cinco imóveis, inclusive o meu, pedindo a desocupação imediata e, por isso, tivemos que sair às pressas. É absurdo eu ter que sair da minha casa no meio da pandemia e não ter uma posição da concessionária.”

[an error occurred while processing this directive]

O aposentado afirma que a Sabesp apenas mandou uma carta-padrão a todos os moradores se isentando da responsabilidade. “Queremos que, pelo menos, a empresa tenha mais consideração e nos dê uma explicação detalhada sobre o porquê de ela não ser a responsável, apesar de tudo apontar o contrário.”

Empresa nega indenização

A Sabesp informa que esteve no local com dois peritos independentes para análise do caso. A empresa diz ainda que o parecer técnico dos profissionais concluiu que não há nexo causal entre os danos existentes no imóvel e os serviços prestados pela companhia. Portanto, o pedido de ressarcimento foi indeferido. A Sabesp afirma que o cliente foi informado por meio de carta no último dia 4.

[an error occurred while processing this directive]

Em novo contato com o Agora, o leitor reafirma que aguarda uma explicação detalhada da empresa.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.