Mortes no trânsito registram queda no estado

Em abril, foram 471 casos a menos que o mesmo período do ano passado

Leonardo Zvarick
São Paulo

O número de mortes em acidentes de trânsito no estado de São Paulo caiu no mês de abril em relação ao mesmo período do ano passado.

0
Movimentação na rodovia dos Imigrantes na volta do litoral após o feriado de Natal - Rivaldo Gomes - 27.dez.2018/Folhapress

Segundo balanço do Infosiga, sistema de dados do governo estadual, da gestão João Doria (PSDB) foram registradas 400 mortes no quarto mês do ano, queda de 15% em comparação com as 471 ocorrências do mesmo período de 2018.

No acumulado do ano, entretanto, a queda é bem menor. Em 2019, foram 1.605 mortes entre janeiro e abril, contra 1.683 em 2018 —redução de 4,6%.

Isso ocorre porque em janeiro houve um aumento de 10% nesse tipo de registro, em comparação 2018, primeira alta desde 2015. A partir de fevereiro, no entanto, houve queda.

Em todo o estado, o Infosiga aponta aumento nos índices de somente quatro regiões administrativas —São José dos Campos, Ribeirão Preto, Marília e Barretos.

Em outras dez regiões, os dados demonstram redução, e em duas, estabilidade. Na Grande São Paulo, as mortes caíram de 148 para 120.

No mês passado, segundo as estatísticas do governo, as principais vítimas foram os pedestres, com ao todo 128 mortes.

Logo atrás vêm os motociclistas, que apesar da redução de mais de 23% em relação ao ano passado, representam ainda 127 mortos no trânsito.

Ao todo, 94 ocupantes de automóveis, entre motoristas e passageiros, morreram no mês passado. A maioria das vítimas do trânsito no estado são os homens (81,5%), e jovens representam fatia de 22,5%.

Assuntos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.