Descrição de chapéu Grande SP

Pai encontra filho baleado na porta de casa na Grande SP

Ajudante-geral de 27 anos estava morto no carro em Suzano

Alfredo Henrique
São Paulo

Um ajudante-geral de 27 anos foi encontrado morto dentro de seu carro estacionado em frente a sua casa, por volta das 19h30 deste domingo (13) em Suzano (Grande São Paulo). Nenhum suspeito havia sido identificado até a conclusão desta edição.

Segundo o pai do ajudante-geral, um pedreiro de 51 anos, seu filho havia saído para se encontrar com um amigo, por volta das 11h do dia do crime. 

"Os dois foram tomar cerveja em um posto de gasolina. Quando eram umas 14h também me chamaram, mas não fui", relembra o pedreiro. 

Por volta das 19h10, o pai foi informado por telefone que seu filho estava baleado, em frente à casa em que ambos moravam. Chegando em seu endereço, uma vizinha lhe informou que havia visto Silva conversando com dois homens, que ocupavam uma moto preta e vermelha, instantes antes de ele ser ferido. 

"Depois, os vizinhos ouviram um barulho de tiro. A moto fugiu. Tem vídeos que mostram isso", afirmou o pedreiro. 

O ajudante foi baleado na axila esquerda e morreu dentro de seu carro, segundo informações iniciais.

Nenhum objeto foi levado e a polícia busca imagens e investiga o que teria motivado o crime.

Assuntos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.