Descrição de chapéu Opinião

Caneladas do Vitão: Flamengo despacha Santos e arranca para o título brasileiro

Vitor Guedes
São Paulo

Ai, ai, ai, ai, ai, ai, ai, tá chegando a hora, o dia já vem, raiando, meu bem... Alô, povão, agora é fé! Um golaço de Gabigol, no final do primeiro tempo, confirmou o favoritismo rubro-negro no Maracanã apinhado (62.510 pagantes, 68.243 presentes).

Para quem não acredita em coincidências, o gol do Flamengo, que não tem nenhum volantão típico, surgiu de uma roubada de bola do meia Éverton Ribeiro após passe errado de Eduardo Sasha, seguido de um lançamento precioso.

A finalização de Gabriel foi um lindo tapa por cobertura da entrada da área, que só foi possível graças ao posicionamento adiantado do arqueiro Éverson. E de toda a linha defensiva santista, que, mesmo fora de casa, no final da etapa, cedeu o contra-ataque ao campeão do turno. E daí? Moderno é goleiro jogar com os pés e tal e time jogar aberto contra um adversário mais forte... Goleiro ficar no gol e pegar bola é coisa de conservador ultrapassado que não sabe nada, como eu.

Jogadores do Flamengo comemoram mais uma vitória no Campeonato Brasileiro - Sergio Moraes/Reuters

​​Sampaoli, que escalou o lateral Jorge no meio-campo e o zagueiro Luan Peres na lateral, ainda mandou Cueva a campo no segundo tempo. E o Flamengo de Jorge Jesus só não ampliou porque Gabigol exagerou na dose do preciosismo.

"Campeão" do primeiro turno com 100% de aproveitamento em casa, o Flamengo, que está a três jogos de um possível título da Libertadores (embora não seja nada fácil passar pelo Grêmio e, em uma eventual final, por River Plate ou Boca Juniors), é hoje o melhor time do país. A distância é maior do que mostram os três pontos de vantagem sobre o Palmeiras, novo vice-líder. O returno comprovará isso.

Parabéns, Jorge Jesus. Mas é claro que o Flamengo, na minha opinião, não teria a menor chance de ganhar o Campeonato Inglês. Agora, vai convencer a rubro-negra turma do oba-oba após o Norwich fazer 3 a 2 no Manchester City...

Alfred Hitchcock: "Existe algo mais importante que a lógica: a imaginação. Se a idéia é boa, jogue a lógica pela janela".
Eu sou o Vitor Guedes e tenho um nome a zelar. E zelar, claro, vem de ZL. É tudo nosso! É nóis na banca!

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.