Descrição de chapéu Defesa do Cidadão

Consumidor reclama de cobrança da Net

Leitor diz que operadora está cobrando R$ 59,90 a mais em combo de serviços

Havolene Valinhos
São Paulo

O corretor de imóveis Matheus Nunes Santos, 25 anos, da Vila Verde, Parque Císper (zona leste), conta que, em março, contratou um pacote da Net, mas ele reclama que está sendo cobrado por um valor maior do que o combinado. 

Matheus Nunes Santos, 25 anos, conta que registrou várias reclamações na central da operadora, mas afirma que o caso continua sem solução
Matheus Nunes Santos, 25 anos, conta que registrou várias reclamações na central da operadora, mas afirma que o caso continua sem solução - Rivaldo Gomes/Folhapress


Segundo o leitor, a assinatura do combo previa quatro serviços: televisão, telefone fixo, internet e telefone móvel pelo valor mensal de R$ 153,81. 

No entanto, Santos relata que está recebendo uma fatura de R$ 153,81 apenas com três serviços, além de uma mensalidade à parte, constando a cobrança de mais R$ 59,90, pela linha de telefone celular.

“É inaceitável porque não foi isso que assinei, não foi o que eles combinaram comigo pelo telefone. O pior é que ainda estão me pressionando a pagar essa fatura desse jeito. Isso é um absurdo”, queixa-se ao Agora.

O corretor de imóveis diz ainda que entrou em contato com a central de atendimento da operadora, registrou diversas reclamações, porém, até o momento, não foi atendido.

“Tenho anotado vários números de protocolos que não serviram para nada. Em algumas tentativas fiquei pendurado na linha mais de uma hora e meia. Porém, em vez de resolverem, ficaram me transferindo de um setor para outro”, diz.

“Peço a intervenção do Defesa do Cidadão para que a Net possa tomar as devidas providências”, afirma à reportagem.

Net: 10621

Operadora corrige faturas

A Net informa, por meio de nota de sua assessoria de imprensa, que está em contato com o cliente Matheus Nunes Santos para a solução do caso.

A operadora diz ainda estar à disposição para prestar quaisquer outros esclarecimentos.

Em novo contato com o Agora, o leitor confirmou a ligação da empresa. “Eles resolveram graças à intervenção do jornal, inclusive já paguei as faturas com os valores corrigidos”, disse Matheus Nunes Santos.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.