Prefeito de Mauá é cassado por vereadores

Atila Jacomussi (PSB) foi processado por crime de responsabilidade

Leonardo Zvarick
São Paulo

Após quase dez horas de sessão, a Câmara Municipal de Mauá (ABC) decidiu nesta quinta-feira (18) pela cassação do prefeito Atila Jacomussi (PSB).

O prefeito cassado de Mauá, Atila Jacomussi (PSB) - Reprodução

Ele foi processado por crime de responsabilidade, pois não justificou formalmente o seu afastamento do cargo à Câmara na ocasião em que foi preso, no ano passado, acusado de chefiar esquema de corrupção.

O placar final foi de 16 votos favoráveis e cinco contrários à cassação. Um vereador faltou à sessão e outro se absteve de votar.

A vice-prefeita eleita, Alaíde Damo (MDB), assume o posto até 2020. Além de deixar a prefeitura, Jacomussi terá os direitos políticos suspensos por cinco anos.
 

Assuntos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.