Casal é morto em tentativa de assalto na zona oeste da capital

Polícia registra o caso como latrocínio, mas nada foi levado

Elaine Granconato
São Paulo

Casal morreu após ser baleado na noite de sábado (3) na rua Doutor João Vieira Neves, no Rio Pequeno (zona oeste), onde moravam, após tentativa de assalto.

Embora o caso tenha sido registrado como latrocínio (roubo seguido de morte) no 14º Distrito Policial em Pinheiros, não há informações se pertences das vítimas foram levados pelos criminosos, segundo a Secretaria da Segurança Pública, sob gestão João Doria (PSDB).

Policiais militares foram chamados para atender ocorrência de arma de fogo, quando chegaram no local encontraram vários projéteis espalhados pelos chão e próximos a um veículo  Dodge Journey preto.

O crime teria ocorrido por volta das 20h30. Patrícia Cássia Mello Guirar, 34 anos, e Victor Coimbra de Siqueira, 31 anos, foram encaminhados até o Hospital Universitário da USP (Universidade de São Paulo) ainda com vida, mas não resistiram aos ferimentos. Os bandidos fugiram. Não se sabe quantos agiram no crime.

Os corpos foram encaminhados ao IML (Instituto Médico Legal) para exame, segundo o órgão estadual. O caso será investigado pelo 51º Distrito Policial, Butantã, responsável pela área. 

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.