Descrição de chapéu Defesa do Cidadão

Fio solto enrosca em moto e causa acidente, diz leitor

Cabo de energia da Enel estava na via e enroscou na roda; prejuízo é de R$ 15,5 mil

Juca Guimarães
São Paulo
Por volta das 6h40 do dia 3 de maio, o funcionário público Flávio de Araújo Silva, de 36 anos, estava passando de moto pela rua José Nicolau de Lima, no Jardim Casa Grande (zona sul), quando um fio da Enel que estava solto sobre a via enroscou na roda dianteira e no guidão do veículo, fazendo com que ele perdesse o controle e caísse na calçada.
Silva bateu a cabeça e a motocicleta ficou danificada. “Eu estava de capacete e isso evitou uma fatalidade. Se eu estivesse sem, teria tido um traumatismo craniano”, disse o leitor. Momentos após o acidente, apareceu uma equipe da Enel. “Eles disseram que o fio solto estava na rua desde o dia anterior”, conta ele.
Funcionário público Flávio de Araújo Silva reclama da Enel - Arquivo pessoal
No dia 5 de maio, dois dias após a queda, o morador de Parelheiros (zona sul) foi até a agência da Enel em Santo Amaro. “O atendente pediu para eu preencher e assinar um formulário e não disse mais nada”, comentou.

Silva dirige motos há seis anos e, segundo ele, não estava acima da velocidade permitida para aquela via. A sua motocicleta, uma Yamaha modelo MT07 ano 2021, teve que ser guinchada, pois não tinha condições de rodar após o acidente.

O funcionário público diz que o valor total para recuperar o veículo ficou em R$ 15,5 mil após o acidente de moto.

“É um total descaso. Não posso ficar sem qualquer respaldo da Enel. É inaceitável. Por isso peço a intervenção do Defesa do Cidadão”, diz ao Agora.

Empresa indeniza consumidor

A Enel Distribuição São Paulo informa que, após analisar o caso relatado, o processo de indenização foi deferido.

A concessionária diz ainda que o cliente será ressarcido em até 20 dias úteis, de acordo com a legislação vigente.

Em novo contato feito pela reportagem do Agora, Flávio Araújo Silva confirmou a informação e disse que a distribuidora já realizou o pagamento da indenização.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.